DF Entrevista com Guilherme de Leon

DF Entrevista com Guilherme de Leon

Atualizado: 4 de Jul de 2019

DF - Conte-nos um pouco sobre a história da sua vida profissional e do seu consultório. Guilherme de Leon- A Contraste Radiologia foi fundada em novembro de 2010, iniciando suas atividades em Blumenau/SC. Tivemos muitas dificuldades de crescimento nos primeiros anos. Dividimos o mercado com outras radiologias tradicionais, com mais de 20 anos de mercado, que além de tudo eram competentes. DF- Deve ter sido um grande desafio de negócio competir com quem já estava bem posicionado…Guilherme de Leon- Sequer recebíamos oportunidade de demonstrar o nosso trabalho. Basicamente éramos apenas mais um serviço, sem um diferencial aparente a ponto de chamar a atenção dos clientes. DF- E qual foi o plano traçado para atingir a tão necessária diferenciação?Guilherme de Leon- Percebendo que precisávamos fazer algo diferente, em 2013 iniciamos uma verdadeira busca por alguma inovação que nos colocasse à frente dos demais, dando o destaque que precisávamos para mostrar o nosso valor. Após muitas pesquisas, chegamos ao scaner intra-oral, que estava sendo lançado no Brasil no final daquele ano. Aproveitamos a oportunidade e fomos a primeira radiologia do Brasil a adquirir e implementar a tecnologia na sua rotina. O pioneirismo trouxe exatamente os resultados que almejamos. Com pouco mais de 1 ano de uso do equipamento, nossa clínica dobrou o número de atendimentos, e atingiu o índice de 80% dos modelos para ortodontia sendo entregues somente no formato digital. DF- Então a aquisição de um scanner intraoral conseguiu cumprir com o objetivo?Guilherme de Leon- Consideramos a aquisição do scanner intraoral um marco em nossa história. Em 2015 inauguramos nossa segunda unidade, na cidade de Balneário Piçarras. Em 2016 inauguramos outras duas unidades, em Joinville e em um bairro de Blumenau. Em 2017 adquirimos dois novos scanners, para as unidades de Joinville e Blumenau filial. E neste ano, 2018, tornamos nossa rede de radiologias 100% digital, com a aquisição do quarto scanner intra-oral, para a cidade de Balneário Piçarras. DF- Quais pontos foram decisivos na escolha do scanner intraoral CS3600 Carestream através da Dental Factory? Guilherme de Leon- Devido ao custo de aquisição e as dificuldades iniciais de retorno para este investimento, nosso pensamento sempre foi apostar no equipamento com melhor custo-benefício do mercado. O CS3600 atende todas as necessidades de uma radiologia: boa velocidade de escaneamento, fácil mobilidade, excelente qualidade de malha STL. Além disso, não possui anuidade. Considero também o fato do scanner não estar integrado ao computador como uma vantagem, visto que caso ocorra um problema com o computador, o scanner pode continuar funcionando normalmente. A respeito da DF, é o hoje a empresa mais preparada para atender o mercado de odontologia digital, principalmente a radiologia. Possuem conhecimento vasto do nosso segmento, sabem dos desafios, além dominarem a expertise necessária para dar suporte adequado às nossas clínicas. DF- Você ou sua equipe tiveram dificuldades na transição e utilização do scanner? Guilherme de Leon- O scanner intraoral altera paradigmas! É uma novidade para todos: radiologistas, funcionários, dentistas e pacientes. Naturalmente sair da zona de conforto causa uma certa dificuldade. Entretanto, com a dedicação adequada para este fim, apoiado por um suporte disponível para o auxílio, rapidamente os problemas inerentes a esta transição são superados. DF - Como o scanner contribuiu para a redução dos custos de sua clínica? Guilherme de Leon- Atualmente nossa rede é 100% digital- possuímos o equipamento em todas as unidades. Sendo assim, não temos mais gastos com alginato, cera, moldeiras e tudo mais que envolve a moldagem. Devido ao alto número de dentistas que aceitam trabalhar somente com o modelo digital, também não temos mais os custos de modelo em gesso e caixinhas para estes modelos. DF- Com tantos benefícios, o que você julga ser o melhor deles?Guilherme de Leon - A maior redução de custo é operacional. Com o uso do scanner os processos se tornaram mais rápidos, a necessidade de esterilização de objetos utilizados nos atendimentos é menor. Muitas vezes até mesmo o número de funcionários pode ser reduzido ou realocado. Sem falar do retrabalho, que reduz drasticamente. DF- Quais as principais vantagens do scanner para o seu dia a dia? Guilherme de Leon- Vantagens diretas: a rotina operacional da clínica se torna mais “limpa”, mais rápida. A qualidade dos atendimentos aumenta, tendo em vista que os pacientes não precisam mais passar pelo desconforto da moldagem. O prazo de entrega das documentações reduz em até 90%. DF- Além dessas tantas vantagens, existe mais alguma coisa que você julga relevante contar a quem esteja pensando em ter um scanner intraoral?Guilherme de Leon- Sim. As vantagens indiretas -sua radiologia se torna referência de tecnologia no mercado da sua região. Você trabalha e naturalmente domina o que há de mais moderno e novo na odontologia atual. Você pode oferecer aos seus clientes possibilidades que quem sabe eles ainda nem tenham conhecimento. E para aqueles colegas mais antenados, você está preparado para atendê-los da melhor forma. DF- Qual dica você daria para quem está em dúvida sobre as aplicações do scanner intraoral no dia a dia do profissional? Guilherme de Leon- A informação hoje está acessível para todos. Existem inúmeros cases de sucesso de colegas/radiologias na utilização do scanner intraoral. Abusem do “benchmarking”. Seja através de grupo de WhatsApp, fóruns em sites, ou mesmo o contato direto com referências do segmento, busquem o conhecimento que lhes falta para ter a confiança e a certeza que o scanner intraoral é uma realidade e que, sabendo utilizá-lo da melhor forma, você também é capaz de alcançar relevantes resultados através dele. DF- Você sente segurança em indicar o CS3600 Carestream e a Dental Factory para um colega? Guilherme de Leon - Sem dúvida nenhuma! Afirmo com convicção: hoje o CS 3600 é o melhor custo-benefício do mercado. Possui tudo o que um scanner precisa, com o menor custo de aquisição/manutenção. A respeito da Dental Factory, basta você mesmo avaliar o mercado e perceber quem está mais preparado para auxiliar/ensinar o dentista a respeito da odontologia digital, entender as dificuldades que o mercado enfrenta e oferecer um suporte ativo na resolução dos problemas inerentes a todos esse processo de transição.

17 visualizações

Vem para o digital.

(11) 3588-7071

Rua das Caneleiras, 500 - Bairro Jardim 

 Santo André/SP - 09090-050